Intercâmbio Voluntário: como, onde e por que fazer?

O intercâmbio voluntário, também conhecido como volunturismo, é uma oportunidade para quem deseja viver a experiência do intercâmbio e ainda promover uma transformação positiva.

Ficou interessado? Então continue a leitura e conheça os motivos de fazer um intercâmbio voluntário, como escolher o projeto e onde procurar. 

Por que fazer um intercâmbio voluntário?

Conheça 3 benefícios que o intercâmbio voluntário pode trazer para você:

Causar um impacto positivo

Esta é a principal razão para uma pessoa escolher este tipo de programa.

Pois, além dos benefícios tradicionais como: aprimoramento de outro idioma, desenvolvimento profissional e conhecer novas culturas, você tem a chance de transformar uma realidade de forma positiva.

Flexibilidade

Diferente de um programa de intercâmbio universitário, por exemplo, no intercâmbio voluntário praticamente não há restrições de datas e horários.

Você pode escolher o que mais se adequa a sua rotina e aos seus objetivos.

Economia

Mesmo que a maioria dos programas de intercâmbio voluntário não inclua passagens áreas e seguro viagem, se comparado a outros tipos de intercâmbio, os custos são bem menores.

Além disso, há programas curtos que permitem uma imersão completa no destino em poucas semanas.

Como escolher o seu programa de intercâmbio?

Desde que esteja interessado em contribuir, todo mundo pode fazer um intercâmbio voluntário.

Porém, alguns cuidados precisam ser tomados para que não haja arrependimentos durante a viagem. Seguem eles:

Escolha um programa que você se identifique

No intercâmbio voluntário, mais importante do que o destino é o projeto social que você irá participar. Por isso, selecione um que seja compatível com a sua personalidade e afinidades. Veja alguns exemplos:

  • Ambientais: para ajudar em pesquisas, proteção e preservação de áreas naturais e na reabilitação de animais.
  • Esportivos: desenvolver ações comunitárias (principalmente com crianças e jovens) através de atividades esportivas.
  • Educação: trabalhar em escolas, dando aulas de idiomas, promovendo atividades recreativas ou fazendo reparos na infraestrutura do local.
  • Saúde: auxiliar em hospitais ou centros de recuperação.

 

Defina o destino conforme a suas capacidades

Em qualquer viagem para o exterior há um choque cultural, porém num intercâmbio voluntário este baque costuma ser maior.

Dependendo do lugar escolhido o intercambista irá passar muitas privações e diferenças culturais, logo é essencial analisar se você está preparado para estas mudanças.

Assim como existem programas em comunidades extremamente carentes em Gana, existem projetos em países com mais infraestrutura como a Itália.

Esteja aberto ao novo

No intercâmbio voluntário há uma conexão entre o voluntário e a comunidade, afinal ele está ali para ajudar aquela realidade e aprender durante o processo.

Mas, para isso acontecer, o intercambista deve estar aberto a realizar esta troca.

Onde procurar?

Confira 5 lugares que oferecem programas de intercâmbio voluntário:

1.   AIESEC 

A AIESEC é uma organização internacional liderada por jovens que realiza os intercâmbios visando desenvolver a liderança na juventude.

Ela oferece um programa chamado Voluntário Global que realiza projetos sociais ligados aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas.

Os projetos têm duração de 6 a 8 semanas e o único requisito é ter entre 18 a 30 anos, além disso, eles também cobram uma taxa administrativa para fazer a ponte entre o voluntário e o destino.

Alguns países que você pode visitar são: Argentina, México, Egito, Romênia e a Costa Rica

Todos eles incluem acomodação e um certificado internacional registrando a experiência. Outros benefícios como refeição; aulas extracurriculares; confraternizações vão depender do programa escolhido.

2.   Exchange do Bem

É uma empresa social com mais de 70 opções de intercâmbio voluntário na África, Ásia e América Latina.

A maioria dos programas eles solicitam um conhecimento básico do idioma local ou do inglês. Contudo, nos projetos em países que falam português ou viagens em grupo não há essa exigência.

Eles também aceitam menores de 18 anos nos programas, desde que acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Os valores variam conforme o tipo de programa, contudo, geralmente incluem: acomodação, alimentação, traslado e assistência local.

3.   Rotary

O Rotary é formado pelos Rotary Clubs, o Rotary International e a Fundação Rotária.

Eles desenvolvem programas para capacitar jovens líderes, contribuir para um mundo melhor e promover a paz, dentro destes projetos estão os programas de voluntariado:

  • Bolsas Rotary pela Paz: oferece anualmente até 50 bolsas integrais para programas de mestrado e 80 para cursos de aperfeiçoamento profissional.
  • Intercâmbio de Jovens: é para pessoas de 15 a 19 anos que desejam aprender um novo idioma, conhecer novas culturas e ampliar seus horizontes.
  • Intercâmbio de Serviços às Novas Gerações: é um projeto para os universitários e profissionais colocarem em prática os conhecimentos adquiridos ou aprimorar suas habilidades.

4.   Volunteer Vacations

A Volunteer Vacations (VV) acredita que é possível unir as férias tradicionais a um projeto social.

Os intercâmbios são curtos (no máximo um mês), para mais de 20 países. O menor investimento é de USD 290. Também fornece descontos para clientes que já viajaram com a agência.

As exigências variam conforme o tipo de programa, algumas solicitam saber o idioma do destino ou uma formação específica.

5.   Agências de Turismo

Além dessas instituições específicas, existem agências de turismo que oferecem o serviço de intercâmbio voluntário, entre elas estão:

CI Intercâmbio

É uma agência que oferece projetos nas áreas social, ambiental e de saúde em países como África do Sul, Sri Lanka, Nepal, Tailândia e Índia.

Para participar não tem restrições, no investimento está incluso acomodação, refeições, transfer de chegada, suporte local 24h durante a estada e treinamento inicial, além de um certificado de participação.

Work and Study

Tem programas na Ásia, África, América Latina e Ilhas Fiji. Também é possível aliar o voluntariado a um curso de idiomas.

Para fazer o intercâmbio é preciso ser maior de 18 anos e ter fluência intermediária no idioma do país escolhido.

Experimento

Os programas têm duração de 1 a 12 semanas, também é possível unir um curso de línguas ao trabalho voluntário.

Os intercâmbios são a partir de USD 295 e incluem: acomodação, transfer, alimentação, suporte e assistência 24 horas e treinamento antes do programa.

Agora que você já conhece o intercâmbio voluntário, pode começar o planejamento. Não perca a oportunidade de fazer do mundo um lugar melhor!

Conheça as redes sociais do Global Hub e conecte-se conosco:

Instagram: @uninterglobalhub

Facebook: @uninterglobalhub

Linkedin: UNINTER – Global Hub

Youtube: UNINTER Global Hub

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no WhatsApp