Educação 5.0: 6 motivos para escolher a gamificação


As aulas remotas, que já eram uma tendência, se tornaram uma realidade de 2020 para cá, e as instituições de ensino precisam encontrar novas maneiras de engajar os alunos, daí surgiu a Educação 5.0.

Aprenda sobre esta forma de entender o ensino e uma das estratégias mais aplicadas para isso, a gamificação.

O que é Educação 5.0?

O nome Educação 5.0 surgiu do termo Sociedade 5.0 e apareceu pela primeira vez no 5º Plano Básico de Ciência e Tecnologia, lançado pelo Japão em 2016.

Neste texto, a Sociedade 5.0 é apontada como a próxima evolução humana, onde as tecnologias são usadas para criar soluções sustentáveis e garantir o bem-estar de todas as pessoas.

Quando trazemos este conceito para a educação, significa usar as tecnologias, mas sem deixar de lado as competências sociais e emocionais.

Por isso, a Educação 5.0 é considerada uma evolução da Educação 4.0 que trouxe os recursos tecnológicos para dentro da sala de aula. O que com a pandemia e o ensino remoto passou a ser uma necessidade.

No entanto, deu para perceber que só trabalhar com a tecnologia não é o suficiente, já que muitos alunos não se adaptaram e perderam o interesse nas aulas. É preciso usar a tecnologia de forma saudável, sendo tratada como uma aliada na sala de aula.

Então, a Educação 5.0 procura desenvolver soft skills como:

  • Empatia
  • Criatividade
  • Inteligência emocional
  • Comunicação
  • Gerenciamento de conflitos
  • Adaptabilidade
  • Colaboração
  • Persuasão
  • Resiliência

Como aplicar a Educação 5.0?

Antes de aplicar a Educação 5.0 no aprendizado, a instituição de ensino precisa fazer investimentos, seguem exemplos:

Capacitar os professores

A Educação 5.0 precisa de um professor 5.0, alguém que não tenha medo de usar a tecnologia dentro da sala de aula, pois sabe como ela funciona e os seus benefícios para a educação.

Também é uma pessoa criativa, com coragem de inovar nos métodos de ensino e a capacidade de estimular as habilidades socioemocionais dos alunos.

Por isso, a instituição de ensino deve investir em formações que ajudem os professores a ensinar dentro deste modelo.

Aumentar o uso da tecnologia em sala

Como a tecnologia faz parte da nossa vida cotidiana, com a educação não pode ser diferente, logo, a escola deve investir em recursos digitais para professores e estudantes.

Por exemplo: disponibilizar tablets para os alunos, o uso de painéis interativos, plataformas online de estudo etc.

Envolver a família e a comunidade

Como o objetivo da educação 5.0 é desenvolver a capacidade socioemocional dos estudantes, todo o entorno escolar deve ser envolvido.

Quando falamos da educação básica, a família exerce um papel fundamental no desenvolvimento das soft skills.

Já para alunos universitários a contribuição com a comunidade possibilitará o aprendizado prático do ensino.

 Experimentar novas metodologias

Romper o modelo tradicional de ensino é o que fará com que os estudantes tenham interesse nas aulas. Então, pensar em estratégias para chamar a atenção é fundamental.

Para isso existem vários recursos: cultural maker (mão na massa); sala de aula invertida (o aluno estuda o conteúdo fora de sala e, posteriormente, faz as atividades e discussões em aula) e a gamificação que vamos explicar com mais detalhes:

 Gamificação

A gamificação é uma ótima estratégia para estimular os alunos e tornar o aprendizado mais leve e divertido, por isso ela é uma das ferramentas mais citadas quando se fala na Educação 5.0.

A gamificação vem da palavra game (jogo em inglês) e traz conceitos dos jogos como competição, cooperação, prêmios, desafios e superação para a sala de aula.

Por exemplo: o professor divide os alunos em grupos e passa um problema matemático para cada um deles, a equipe que conseguir terminar primeiro ganhará uma recompensa.

 As principais vantagens de aplicar a gamificação são:

1.   Mais participação

Na gamificação o ensino é construído de maneira participativa, onde o estudante acerta, erra, tenta outra vez e tem a oportunidade de expor a sua opinião para solucionar problemas.

Também é uma forma de trabalhar outras habilidades importantes para a Educação 5.0 como a colaboração e a criatividade.

2.   Conecta a prática a teoria

Muitas vezes somente o conhecimento teórico não é o suficiente para que o aluno aprenda, neste caso a gamificação pode ajudar.

Por exemplo: os alunos de medicina recebem um caso médico e precisam descobrir que doença o paciente tem.

No decorrer do desafio eles passam de fase em fase recebendo novas informações do paciente como: sintomas; histórico médico; histórico médico familiar; resultados de exames; etc.

3.   Aulas interativas e divertidas 

Quando pensamos em uma sala de aula o que vem na nossa mente é o professor falando, os alunos fazendo anotações e ao final do semestre é aplicada uma prova. Meio chato não?

A Educação 5.0 propõe algo diferente: tornar o ensino leve e interessante para o estudante, usando a tecnologia como parte da educação, diminuindo o sentimento de obrigação ao participar das aulas.

4.   Melhora a concentração

 Este é um dos maiores desafios no ensino remoto, já que há várias distrações em casa: o cachorro latindo, os carros passando, as notificações do celular.

No entanto, se você está fazendo uma atividade divertida, que exige atenção total, é como se as distrações fossem bloqueadas e você fica compenetrado naquilo.

É isso que a gamificação faz, prendendo a atenção dos alunos para os estudos.

5.   Estimula o protagonismo do estudante

Na Educação 5.0 o aluno é o protagonista do aprendizado, o professor age como um intermediário do conhecimento.

A ideia é que o estudante tenha autonomia para construir o conhecimento de forma livre, independente, mas para isso é importante que ele seja estimulado da maneira adequada, elevando o seu nível de aprendizagem.

6.   Facilita o aprendizado

Quando os alunos participam ativamente do processo de aprendizagem, a tendência é que eles absorvam o conhecimento mais rápido.

Afinal, os feedbacks são imediatos e os alunos estão emocionalmente envolvidos no ensino, o que aumenta a chance deles reterem o conhecimento.

Por isso a Educação 5.0, com a gamificação , são consideradas o futuro da educação, afinal a sociedade está evoluindo e novas tecnologias surgem constantemente.

Então, para que o ensino não se torne “ultrapassado” ele precisa acompanhar este processo.

Conheça as redes sociais do Global Hub e conecte-se conosco:

Instagram: @uninterglobalhub

Facebook: @uninterglobalhub

Linkedin: UNINTER – Global Hub

Youtube: UNINTER Global Hub


Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no WhatsApp